PALAVRA É PROVA

palavra-e-prova

Crimes como estupro e assédio sexual normalmente são praticados sem que haja testemunhas para depor, por isso, o entendimento do Superior Tribunal de Justiça (STJ) é de que a palavra da vítima deve servir como prova nos casos que envolvem os chamados crimes contra a liberdade sexual, fixados no Código Penal. Saiba mais: http://bit.ly/2dJ3BSS

Imagem e texto: #CNJ

Curta minhas páginas no Facebook:
– Linviston Gabinete Virtual
– Linviston
Visite meu Site: https://linviston.com/

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s